Blog
Como encontrar um bom tradutor profissional?

Recorrer à tradução profissional é a melhor solução para contar com um documento final qualificado. Porém, como encontrar um bom tradutor profissional? É importante compreender quais são os pré-requisitos de um tradutor, somente assim será possível optar por aquele que ofereça um material final tão bom quanto o original.

Assim sendo, aqui destacamos algumas habilidades que o tradutor profissional deve dominar com maestria. Confira e busque por essas características na hora de escolher que fará esse serviço para você.

- Complemente a leitura com: O que observar na escolha de uma empresa de tradução?

Como escolher um bom tradutor profissional?

1. Ter grande conhecimento e experiência na área

Para ser um tradutor profissional não basta ter conhecimento sobre os idiomas que serão utilizados para a tradução - tanto o original quanto o final. É essencial que ele seja experiente, conheça a cultura dos locais, expressões idiomáticas, contexto, palavras técnicas, entre outros. Essas são habilidades adquiridas com o tempo e experiências na profissão.

Também é importante que o profissional conheça e utilize ferramentas de tradução eficientes a seu favor. Elas podem auxiliar na revisão e qualidade final do material.

2. Conhecer os tipos de tradução

Existem vários formatos de tradução. Reversa, técnica, juramentada, transcriação, versão, transcrição, entre outros. Assim sendo, ao escolher o tradutor profissional para traduzir o seu conteúdo, busque por aquele que compreenda essas particularidades e saiba qual é a melhor para o seu caso.

Não é necessário que o tradutor tenha o domínio de todas essas formas de tradução, porém, é importante que ele as conheça saiba para que servem e qual é o momento para utilizar cada uma dessas metodologias.

- Para saber mais, confira: Conheça os tipos de tradução

3. Respeitar os prazos

Um bom tradutor profissional deve compreender e lidar de maneira saudável com os prazos. Se o material a ser traduzido exige mais tempo, demanda e profissionais extras - como um revisor, por exemplo, - isso deve ser pré-estabelecido no início do trabalho. Assim, o cliente saberá o que está contratando e a dificuldade do material a ser traduzido. O prazo estabelecido deve ser respeitado por ambas as partes.

4. Saber definir o preço do seu trabalho

O tradutor profissional também deve saber fazer o orçamento do seu trabalho e oferecer um valor adequado para o serviço. Esse orçamento deve ser claro para o cliente.

A tradução é juramentada? Ela será cobrada por caracteres, laudas ou número de palavras? Qual será o critério caso o documento siga uma linha mais técnica e exija maior conhecimento técnico e específico? Qual é o valor caso o cliente deseje fazer uma tradução reversa? Essas questões devem ser estabelecidas e combinadas logo quando o tradutor profissional for contratado.

- Veja também: Como é calculado um orçamento de tradução?

5. Oferecer um bom atendimento e suporte

O bom tradutor profissional também deve oferecer um suporte e atendimento ao seus clientes. Assim, poderá esclarecer dúvidas e entrar em contato caso haja necessidade. Assim, é importante ter pelo menos um e-mail para facilitar essa relação profissional.

E então, gostou das nossas dicas para encontrar um bom tradutor profissional? Precisa garantir uma tradução qualificada e dentro do prazo estipulado? Então entre em contato conosco e saiba mais sobre os diversos serviços de tradução que oferecemos.

Quais os principais falsos cognatos em inglês?

Trabalhar e estar em contato com outros idiomas faz com que seja essencial conhecer os falsos cognatos específicos de cada língua estrangeira. Aqui, trataremos dos principais falsos cognatos em inglês, que podem prejudicar e confundir aqueles que estão aprendendo o idioma. Confira.

O que são cognatos?

As palavras cognatas são aquelas que possuem a mesma raiz, mesmo que em idiomas diferentes. Assim sendo, sua grafia e significado são semelhantes, o que facilita o entendimento. Quando comparamos os idiomas português e inglês, alguns dos cognatos que podem ser citados são:

  • Future – Futuro

  • Problem – Problema

  • Material – Material

  • System – Sistema

  • Economy – Economia

- Você também pode se interessar por: Conheça os tipos de tradução

O que são falsos cognatos?

Os falsos cognatos, como o nome sugere, são o contrário dos cognatos. Ou seja, são as palavras ou expressões parecidas na grafia e até mesmo na sonoridade, mas que possuem significados diferentes nas duas línguas.

Comparando os idiomas português e inglês, são várias as palavras que podem ser traduzidas de maneira errônea devido a sua grafia.

  • Um dos termos mais lembrados é “push”. Apesar de ser parecido com o verbo “puxar” em português, push, em inglês, significa “empurrar”;

  • Outro falso cognato em inglês que pode confundir aqueles que estão entrando em contato com o idioma é a palavra “lunch”. Sua tradução para o português é “almoço” - e não “lanche”, como pode parecer por causa de sua grafia e oralidade.

Esses são apenas dois dos exemplos dos principais falsos cognatos em inglês. Aqui, selecionamos 8 outros termos para você aprender e não se confundir mais na hora da tradução.

Conheça 8 falsos cognatos em inglês que merecem a sua atenção:

1. Em inglês: actually | tradução: na verdade

Se o seu objetivo é falar “atualmente”, a expressão a ser utilizada deve ser “nowadays”.

2 Em inglês: anthem | tradução: hino

Anthem é uma palavra em inglês que pode soar parecida com “antena”, certo? Porém, significa “hino”. Assim sendo, se você está em busca da palavra “antena” em inglês, a sua grafia é “aerial”.

3. Em inglês: costume | tradução: fantasia

Se o objetivo é falar de costume ou hábito, a palavra a ser utilizada é “habit”.

4. Em inglês: college | tradução: faculdade

Colégio, em inglês, é “high school”. College, é faculdade.

5. Em inglês: legend | Tradução: lenda

Se o seu objetivo é falar sobre legendas - e não sobre lendas - a tradução que você procura é “subtitle”.

6. Em inglês: novel | tradução: romance

Quer se referir às novelas da televisão? Então a palavra a expressão a ser utilizada é “soap opera”.

7. Em inglês: parents | tradução: pais

Se você quer se referir aos seus parentes, o termo a ser utilizado em inglês é “relatives”.

8. Em inglês: tax | tradução: imposto

Taxa, em inglês, é rate -  e não “tax”.

Veja também: Ferramentas de Tradução X Tradução Profissional: quando escolher um ou outro

Para não precisar preocupar-se com os falsos cognatos em inglês na hora de fazer a tradução de artigos e documentos, entre em contato com a Celinga e deixe que façamos esse trabalho para você com garantia de qualidade, profissionalismo e cumprindo prazos.

Tradução de livros - Como funciona esse tipo de serviço?

Muitas obras literárias são traduzidas em diversos idiomas com o objetivo de alcançar um número maior de leitores. Mas você sabe como funciona a tradução de livros? Ou precisa traduzir um livro? Então saiba mais sobre esse tipo de serviço.

- Confira também: Conheça os tipos de tradução

Como funciona a tradução de livros?

Assim como qualquer outro tipo de tradução, a tradução de livros exige uma grande capacidade de interpretação daquele que irá realizar o serviço de tradutor. Isso porque é essencial conhecer todos os sentidos das palavras e expressões utilizadas para, a partir de então, encontrar a melhor tradução possível no idioma destino.

Essa ação exige conhecimento cultural na língua original e daquela que será traduzida. Somente assim a tradução de livros ficará correta e fluida. Ainda, o livro é uma obra escrita por outro autor. Ou seja, carrega consigo o estilo, ideias e valores desse escritor. E todas essas características deverão ser repassadas na tradução final.

Assim sendo, o tradutor precisa começar o trabalho de tradução muito antes de efetivamente traduzir a obra. Ele precisa compreender o estilo de escrita do autor e encontrar a melhor forma de trabalhar com a pontuação, expressões e demais características próprias de cada escritor.  

- Você pode se interessar por: Como fazer a tradução de artigos científicos?

Os direitos autorais

Para fazer a tradução de livros para outros idiomas também é importante conhecer a forma como funcionam os direitos autorais da obra. Assim sendo, é preciso que você possua as autorizações necessárias para praticar a tradução oficial da obra - do autor original e da editora, por exemplo.

Isso acontece porque é possível que os direitos autorais daquela obra já tenham sido adquiridos por outra editora no país, por exemplo. Também, mesmo que ainda não tenha sido feita a tradução do livro, a editora precisa garantir quem é o profissional ideal para essa função. Ou seja, que será garantida a excelência na versão final da obra.

Geralmente o direito autoral de um livro expira 70 anos após a morte do escritor. Assim sendo, ela entra em domínio público e pode ser traduzida por demais empresas ou tradutores.

O tradutor profissional

É fundamental ressaltar que, para garantir o resultado esperado na tradução de livros, deve-se, obrigatoriamente, contar com o serviço de uma empresa e/ou de um tradutor profissional para desempenhar essa função. Isso porque essa é uma tarefa que exige grande tempo, conhecimento e dedicação.

Ainda, é essencial que o produto final passe pela mão de mais um profissional, que possa revisar e garantir a excelência na tradução de livros. Dessa forma, a obra traduzida será confiável e qualificada.

- Leia: Como encontrar um bom tradutor profissional?

Quer contratar esse tipo de serviço de tradução? Então entre em contato conosco e saiba o que podemos fazer por você.

Traduzir do português para o inglês: quais cuidados devem ser tomados?

Traduzir um material, seja qual for, exige cuidados específicos. Assim, tratando-se de  traduzir do português para o inglês não poderia ser diferente. Mas você sabe quais são os principais pontos que merecem sua atenção ao realizar essa ação? Então confira nosso texto e saiba como acertar na sua tradução.

Traduzir do português para o inglês: principais cuidados

Ao traduzir um material de um idioma para o outro é fundamental conhecer muito mais do que a gramática daquela língua. Isso porque o objetivo não é traduzir de maneira literal as mesmas palavras do outro idioma. O material final, traduzido, deve trazer consigo a ideia do original. Porém, para isso, é essencial conhecer expressões idiomáticas, gírias, modismos e humor daquele idioma. Ou seja: a cultura que o engloba.

Ainda, deve-se lembrar que o mesmo idioma pode ser a língua natal de inúmeros países e regiões. Porém, em cada local são adquiridos novas expressões e formas de se relacionar. Ao falar sobre traduzir do português para o inglês é fundamental saber qual a origem do inglês do material original. Isso porque o inglês nos Estados Unidos é diferente daquele falado na Europa ou na Austrália, por exemplo. E a diferença vai além do sotaque - que é completamente diferente.

As diferenças culturais

Apesar de a base gramatical ser a mesma, as diferenças culturais fazem com que sejam criadas novas expressões e gírias em cada local. Assim sendo, a principal diferença dos idiomas pode ser encontrada no vocabulário. Porém, existem palavras que não têm os mesmos significados em um país e no outro. Por exemplo:

  • Se você quer falar “estacionamento” nos Estados Unidos, deverá dizer “Parking lot”. Já na Austrália, você deve falar “Car Park”.

  • Outro exemplo é o do inglês britânico. Se você quer se referir ao outono, na Europa, deverá falar “Autumn”. Já nos Estados Unidos a tradução correta é “Fall”.

- Veja também: Quais os principais falsos cognatos em inglês?

Como traduzir do português para o inglês sem erros?

Nesse cenário, se o seu objetivo é traduzir do português para o inglês de maneira eficiente e assertiva, é fundamental que você conheça profundamente os dois idiomas. Porém, não apenas isso. Como destacamos, é essencial conhecer a cultura local. Afinal, somente assim será garantido um material final de qualidade.

Dessa forma, se for uma tradução informal, apenas para compreender o assunto geral de um artigo, é possível utilizar ferramentas de tradução online. Elas podem ajudar a entender o material e esclarecer um termo específico. Porém, se você não tem experiência nessa área e deseja traduzir do português para o inglês de maneira profissional, sem erros, a melhor solução, sem dúvidas, é buscar por auxílio profissional.

Isso porque, ao contratar um tradutor ou uma empresa de tradução, você terá a certeza de que seu texto ficará correto. Também, esse material passará por uma revisão final, o que garantirá maior credibilidade ao seu documento. Ainda, há a tranquilidade de saber que o material será entregue de acordo com o prazo pré-estabelecido.

- Confira: Ferramentas de Tradução X Tradução Profissional: quando escolher um ou outro

Qual a melhor solução para você?

Agora que você já sabe quais são os cuidados a serem tomados na hora de traduzir do português para o inglês, já pode decidir qual é a melhor solução para o seu caso.

E então, está em busca de uma empresa para traduzir o seu material? Entre em contato e descubra como podemos lhe ajudar.